Como administrar as dívidas para viver sem sustos financeiros?

Em nome da saúde financeira e de sua paz de espírito, você precisa encontrar maneiras de administrar as dívidas que estão tirando seu sono. Isso pode ser um desafio, mas, com disciplina e força de vontade, é perfeitamente possível colocar sua vida financeira nos eixos novamente.

Nosso artigo vai mostrar passos importantes para manter as dívidas sob controle. Vamos ver?

Procure os credores para renegociar

Assim que perceber que não será capaz de pagar certa dívida, não perca tempo: procure seu credor e proponha um acordo. Quanto mais o tempo passar, mais a dívida vai se acumular e se transformar em uma bola de neve, sempre aumentando.

Seu credor tem interesse em facilitar as coisas para você, pois estará perdendo dinheiro, se você não pagar. Mostre a ele que você está passando por um momento financeiro delicado, mas quer honrar seu compromisso.

Então, não hesite em pedir um aumento de prazo, isenção de multas ou redução de juros. E assim que fechar um acordo compatível com seu orçamento, não deixe de cumprir: pague na data combinada!

Pague primeiro as dívidas de juros mais altos

Para administrar as dívidas com eficiência, você precisa livrar-se dos juros mais altos primeiro. E os campeões de juros altos continuam sendo o cheque especial e o cartão de crédito, como você já deve saber.

Evite a todo custo pagar o valor mínimo da fatura do cartão de crédito, pois os encargos são altíssimos e você vai se enterrar em dívidas cada vez mais.

E se tiver de usar o limite do cheque especial em uma emergência, procure cobrir o débito o mais rápido possível. Quanto mais tempo você usa o crédito rotativo oferecido pelos bancos, maiores serão os encargos cobrados.

Concentre as dívidas em uma só

Administrar uma única dívida é mais fácil do que lidar com várias. Uma boa ideia é pesquisar linhas de crédito disponíveis no mercado para obter um empréstimo a juros convenientes e, assim, poder quitar todas as dívidas que você já tem e ficar com uma só.

Desde que os juros desse empréstimo sejam mais baixos, claro!

Com disciplina e persistência, é possível administrar as dívidas e manter as finanças pessoais sob controle. Quer acrescentar mais dicas ao nosso artigo? Esperamos por seus comentários!

Comentários sobre Como administrar as dívidas para viver sem sustos financeiros?

Adicionar uma revisão
Ordenar por:

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
Sem comentários, o seu será o primeiro.