Saúde financeira: qual é o melhor remédio para manter a sua?

Assim como nos preocupamos com a saúde física e mental, nossa saúde financeira também exige cuidados. Finanças pessoais desorganizadas geram estresse, o que traz consequências para corpo e mente.

Então, qual é o remédio para manter a saúde financeira?

Controlar o orçamento pessoal

O primeiro passo é o diagnóstico: saber quanto você ganha e gasta. Anote todas as receitas e despesas mensais na ponta do lápis. Seja em uma planilha do Excel ou em um simples caderno, o importante é anotar até as pequenas despesas que podem gerar furos no orçamento.

Conhecendo sua real situação, você poderá traçar estratégias para manter sua saúde financeira.

Administrar dívidas

Viver sem dívidas é difícil. Uma compra parcelada, um cheque pré-datado ou pagamentos mensais de um empréstimo acabam sendo incorporados ao orçamento de quem não pode comprar à vista.

O remédio é administrar dívidas com inteligência, sempre analisando a planilha de orçamento para não dar um passo maior que as pernas. Isso evita complicações e futuras dores de cabeça.

Planejar com antecedência

O coração anda acelerado pelo desejo de trocar de carro ou fazer aquela sonhada viagem a dois? Tenha calma, evite taquicardia. Para despesas maiores, a indicação é planejar com antecedência. Se possível, faça uma poupança prévia, para que a parte parcelada não pese no orçamento.

Planejar, reorganizar contas e remanejar verbas também ajudam a alcançar objetivos sem sustos.

Estabelecer prioridades

Analise racionalmente seus gastos: o que é prioridade e o que pode ser cortado ou adiado?

Você precisa mesmo trocar de carro todo ano? Sempre compra roupas de marcas famosas mesmo quando as lojas de departamentos oferecem peças similares com melhores preços? Continua pagando para ser sócio daquele clube que nunca frequenta?

Rever despesas para estabelecer prioridades é uma prática saudável para preservar o equilíbrio financeiro.

Comparar linhas de crédito

Ao contratar empréstimos, é fundamental pesquisar com cuidado e comparar as ofertas do mercado, pois as condições variam de banco a banco. Há bons sites na internet que facilitam seu trabalho ao comparar as modalidades oferecidas. Em nome da boa saúde financeira, use e abuse!

Qual seria sua prescrição para cuidar da saúde financeira? Comente!

Comentários sobre Saúde financeira: qual é o melhor remédio para manter a sua?

Adicionar uma revisão
Ordenar por:

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
Sem comentários, o seu será o primeiro.